L.1 – 28) Como podem ser classificados os computadores quanto à característica de construção, quanto ao princípio de construção (natureza), quanto ao âmbito e quanto ao porte? Descreva as características de cada uma das categorias.

1ª geração (anos 50) 

  • A válvula é o componente básico
  • Grande
  • Esquentava muito
  • Gastava muita energia elétrica
  • Computadores ocupavam muito espaço físico.
  • Tinham, dispositivos de Entrada/Saída primitivos (através da cartões perfurados).
  • Eram aplicados em campos científicos e militares.
  • Linguagem de programação: linguagem de máquina.
  • Operações internas mediam-se em milissegundos.

 

2ª geração (1ª metade dos anos 60)

  • O transistor é o componente básico:

 - Tamanho menor que a válvula

- Esquentava menos

- Gastava menos energia elétrica

- Mais durável e confiável

  • As máquinas diminuíram muito em tamanho e suas aplicações passam além da científica e militar a administrativa e gerencial.
  • Surgem as primeiras linguagens de programação.
  • Além dos núcleos de ferrite, fitas e tambores magnéticos passam a ser usados como memória.
  • Operações internas mediam-se em microssegundos.

 3ª geração (meados dos anos 60 a meados dos anos 70)

  • Marco inicial: surgimento dos C.Is.
  • LSI passa a ser o componente básico:- O LSI ficou conhecido como ‘chip’- Pequena pastilha de silício de 1 cm2

- Composto de milhares de transistores

  • Os computadores diminuíram de tamanho e aumentaram seu desempenho
  • Evolução dos Sistemas Operacionais, surgimento da multiprogramação, real time e modo interativo.
  • A memória é feita de semicondutores e discos magnéticos.
  • Operações internas mediam-se em nanossegundos.

 4ª geração (meados dos anos 70 ao início dos anos 90)

  • Tem como marco inicial o surgimento do microprocessador.
  • O VLSI é o componente básico (menor que o LSI)
  • Houve a miniaturização dos computadores
  • Nesta geração é que surgiram os microcomputadores PC
  • Surgem muitas linguagens de alto-nível e nasce a teleinformática, transmissão de dados entre computadores através de rede.
  • Operações internas mediam-se em picossegundos. 

 5ª geração (início dos anos 90 aos dias atuais)

  • Devido ao avanço tecnológico o conceito de geração torna-se obsoleto.
  • O ULSI é o componente básico (menor que o VLSI)
  • Caracteriza-se pelas aplicações de Linguagem Natural, Processamento Paralelo, Inteligência Artificial,…
  • Altíssima velocidade de processamento,
  • Alto grau de interatividade, etc.

 

  • Quanto ao Princípio de Construção (quanto à Natureza do processamento)

 Analógicos

  •  Representa variáveis por meio de analogias físicas.
  • Trata-se de uma classe de computadores que resolve problemas referentes à condições físicas, por meio de quantidades mecânicas ou elétricas, utilizando circuitos equivalentes como analogia ao fenômeno físico que está sendo tratado.
  • A informação é recebida e processada de um modo contínuo
  • A informação pode ser, por exemplo, um conjunto de valores de corrente elétrica, de temperatura ou de velocidade.

 Digitais

  • Processa informações representadas por combinações de dados discretos ou descontínuos.
  • Mais especificamente: trata-se de um dispositivo projetado para executar seqüências de operações lógicas e aritméticas.
  • Estes computadores são bastante versáteis e por isso são muito mais utilizados do que os computadores analógicos.

 

  • Quanto ao Âmbito de ação

 Propósitos Gerais

  • Computadores capazes de desempenhar uma grande variedade de tarefas, através da execução de um grande número de programas. 
  • Estes computadores são bastante utilizados em escritórios, escolas e mesmo em casa.

Propósitos Específicos

  •  Computadores desenhados para desempenhar um conjunto muito reduzido de tarefas.
  • Utilizados, por exemplo, no controlo de mecanismos industriais e em cálculos científicos. 

 

  • Quanto ao Porte (dimensões, custos, desempenho e propósito)

 Supercomputadores

  •  Computadores com grande poder de processamento
  • Utilizados principalmente no campo científico, nos quais se destacam as simulações.
  • Outros exemplos de aplicação: previsão de tempo e modelagem tridimensional.
  • Estes computadores são de âmbito específico, realizando um grupo de tarefas reduzido. 
  • Seu custo é muito elevado.
  • Possuem um tamanho muito grande e necessitam de condições especiais de funcionamento.
  • Exemplos: CRAY Y-MP e IBM 9021

 Mainframes (Computadores de grande porte)

  • São sistemas projetados para manusear considerável volume de dados e executar simultaneamente programas de uma grande quantidade de usuários.
  • Utilizados por grandes empresas que necessitam armazenar grande quantidade de informação e ter um acesso rápido à ela.
  • Os usuários acessam o mainframe através de terminais. Um mainframe possui à ele conectado uma grande quantidade de terminais.
  • Ao contrário dos supercomputadores, são de âmbito extenso, utilizadas em grandes organizações como bancos, companhias de seguros e centros de investigação.
  • Exemplos: Sistemas IBM 3090 e Control Data CDC 6600

 -   Terminal burro: todo o processamento é feito no mainframe. O terminal apenas é um meio de entrada e visualização dos dados.

-   Terminal inteligente: faz parte do processamento no terminal. Geralmente é um computador pessoal.

 Minicomputadores

  • O minicomputador foi resultado de uma redução no tamanho dos computadores.
  • Grande capacidade de processamento.
  • Possui terminais conectados a ele.
  • Os minicomputadores são computadores de médio porte adequados a tarefas como, por exemplo, o controle de processos industriais e a gestão de sistemas multiusuário. 
  • Com o aparecimento e posterior desenvolvimento dos microcomputadores, a distinção entre estas duas categorias é cada vez menos clara.
  • Exemplos: VAX-11/780 da DEC e sistemas AS/400 da IBM.

 Estações de trabalho

  • Situam-se logo abaixo dos minicomputadores.
  • Geralmente possuem arquitetura RISC e sistema operacional UNIX.
  • Especialmente no que se refere a velocidade do processador e capacidade de memória, a potência de uma estação de trabalho é semelhante à de um minicomputador.
  • As estações de trabalho são dirigidas para uso de um usuário, ao contrário dos minicomputadores.
  • É essencialmente um microcomputador projetado para realizar tarefas pesadas, em geral na área científica ou industrial, como complexas computações matemáticas, projetos com auxílio de computação (CAD), processamento de imagem, etc.
  • Exemplos: O sistema DECstation 5000/33 ou IBM RS/6000

 Computadores pessoais

  • Também conhecidos como: Microcomputadores, Micro e PC (personal computer).
  • Possuem diversas formas e modelos.
  • A característica marcante era a integração do processador, único e de dimensões micro, num pequeno chip de memória semicondutora, formando um microprocessador.
  • Capacidade de processamento evolui rapidamente.
  • Interligação em rede possibilita a substituição de computadores de maior porte.
  • Preço acessível. Fácil upgrade de hardware. Seu tamanho tende a diminuir cada vez mais.
  • Está presente em todos os tipos de empresas.
About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: